domingo, 8 de agosto de 2010

Meu herói.

Eu espero você aparacer e salvar o dia.
Qualquer dia, a minha vida, o universo e talvez a existência.
Meu herói.
Eu nem sei o que dizer quando penso a respeito.
Eu nem sei o que sentir quando vejo as pessoas comentando tão felizes.
Esses heróis já me irritaram, me destrataram, me fizeram ver as coisas e temer o ódio.
Fizeram a minha natureza humana aparecer e fazer toda a angustia tomar forma.
Não se odeie tanto quanto já te odiei justificadamente ou não.
Não queira apresentar-se como o melhor presente que eu já recebi.

...Não será, acredite.

Continue sua vida ao salvar vidas, não se culpe por não salvar a minha.
É...os heróis não acertam todas.
Os heróis as vezes nem são tão heróis assim...
Eu amarei a vida e a sua ausência do mesmo jeito.
Mesmo que os seus poderes sejam a invisibilidade e desaparecimento.

Você mesmo assim me fez ser quem eu sou.




Meu herói?











Meu pai.

3 comentários:

  1. Sei perfeitamente como é isso.
    Gostei muito

    ResponderExcluir
  2. Obrigada pelas palavras de carinho no meu blog.
    Eu tbm to sempre lendo o que vc escreve e ghosto mto. Qto a saudade, bem... é uma dor que nunca experimentei na minha mediocre existencia, e o que passo para o papel é o minimo que consigo expressar... mas eu ainda aprendo a conviver com isso.
    Bem, obrigada. Dostei do seu comentário.
    Beijos

    ResponderExcluir
  3. Que um dia vc possa ser um herói presente (msm com defeitos e sem super poderes) o importante é que vc se tornou um homem de carácter e sem a presença desse tal 'herói'. E a vida é para frente!
    Amei as palavras isto me fez lembrar da Minha mãe, um tanto quanto isto ai.

    ResponderExcluir